Está voltando!

Aguarde novo conteúdo.
Em Julho!
Blog em reforma

quarta-feira, dezembro 19, 2012

Trecho (O Mundo de Sofia - Jostein Gaarder)


Gabryel Fellipe

" - Mas a vida é triste e solene. Somos deixados num mundo maravilhoso, encontramo-nos aqui com outras pessoas, somos apresentados uns aos outros e caminhamos juntos por algum tempo. Depois nos separamos e desaparecemos tão rápida e inexplicavelmente quanto surgimos." Jostein Gaarder - Livro: O Mundo de Sofia.

terça-feira, novembro 20, 2012

21 de Novembro. Serei sempre como criança.

Gabryel Fellipe

   L ivremente correr. Correr, pular, imaginar, saltar, não se preocupar com nada além da imaginação.
   Simplesmente ser livre. Correr na escuridão e por um momento diminuir o passo para fingir estar em câmera lenta, olhando para tras com os olhos da imaginação e enxergando- me fugindo de monstros, bichos e feras gigantes e perigosas. Então, saio daquela imaginação e sou arremessado, contra a minha vontade, para a realidade. Paro de correr e começo a andar, andar com o corpo ereto e alinhado, cabeça com olhar reto e nariz empinado.  
   Minha preocupação não é mais dirigida apenas para a imaginação, aliás, quão difícil é conseguir  ter tempo para a imaginação. Preocupo-me com a realidade e somente com ela. Os bichos, monstros e feras, antes só existentes na adorável imaginação, agora são reais e tentam de tudo, e mais além, conseguir me destruir.
   O tempo leva a fase mais importante que eu tinha, a infância.
   Percebo que as imaginações que todos nós temos na infância, são apenas uma escola para preparar-nos para o mundo real, que espera cada um, ali, no final da adolescência e no começo da fase sem graça, a fase adulta.
   Não, nunca perderei a imaginação, serei sempre como criança.

sábado, novembro 10, 2012

Piensa que quieres y corre a buscarlo ♪


 
Jugir da monotonia pode ser fácil, digo isso, pois desde o inicio de novembro não houve dias chatos, e todas as noites desse mês eu parei e refleti o quão diferente foi o meu dia, e me surpreendi por todas as manhãs eu acordar e não ter ideia de como o meu dia seria.

 Vai minuto, vêm surpresas, foi o tempo, chegaram experiências e tudo isso me fez perceber que o errado nos dias não produtivos é eu.
 
 Eu é que faço um dia chato, eu é que faço um dia tedioso, eu é que escolho se triste ou se feliz, eu é que esqueço que posso escolher o que ser, fazer, crer e ver.

“Faça o que quiser e seja quem quiser” Ronaldo Batista
 

sábado, outubro 13, 2012

Agora, sou uma flecha!


Gabryel Fellipe


Meus olhos enxergam alguma coisa ao longe. Tento fecha-los, mas não consigo. Percebo então que aquela coisa ali, pouco distante, é uma flecha festejando por saber que eu sou o alvo, o alvo que pra ela, será fácil de atingir.
Eu hesito em correr, mas meus pés estão adormecidos, minhas mãos não se levantam e meus braços não conseguem se mover. O que me dá o direito e a capacidade de movimento parece estar contra mim. Minha boca não se abre e minha voz não sai. Não consigo pedir ajuda e percebo não ter o direito de ter as últimas palavras antes do triste fim. Não sinto o calor e também não sinto o frio, não sinto nada, só o medo. A única coisa que consigo mover são os meus pensamentos, mas meu cérebro perdeu a autoridade porque o medo o dominou.
A Flecha sai do arco, vem até mim, ela corre, ela para, ela zomba e continua a sua jornada. Não a nada para que eu faça, sei que é o fim.
Já o medo me abraça, me prende, segura minhas mãos, meus braços e minhas pernas, força minhas pálpebras a não se fecharem, mas não me diz nada, ele apenas me deixa livre com meus pensamentos.
O medo então abre caminho para a flecha, mas, antes de deixa-la sozinha com seu objetivo, ouço-os conversar. Ele diz a ela que os pensamentos são a única coisa que não poderá tocar e, respeitando a ordem, ela segue em direção ao meu coração.
 Não senti nada e, assim como a coragem, o medo também se foi.
Posso agora me movimentar, posso correr, posso pular. Meus pensamentos me salvaram e todo aquele acontecimento não passa de frívolas lembranças. Como aquela flecha, sigo caminhando sem sentimento nesse lugar onde eu posso ser o que quiser. Não existo mais, apenas vivo. Apenas vivo como uma flecha. Agora, sou uma flecha!
 

quinta-feira, agosto 16, 2012

O Alguém que para ti, será o seu TUDO!


- Meu filho, Algum dia encontrará alguém que vai fazer do seu mundo, o mais bonito. Alguém que te fará sorrir até mesmo na hora da tristeza. Alguém ,que quando presente, fará seu coração bater com mais força. Encontrarás o sorriso que iluminará o seu dia, o olhar que te hipnotizara, a boca que terás vontade de sentir. Esse alguém,  quando não tiveres sentindo a presença, te fará sentir uma dor estranha, chorarás, e quando o ver, sentirá o maior alivio e a melhor coisa do mundo! Quando perceberes que esse alguém chegou não o deixe escapar, pegue em suas mãos e tenha coragem de dizer o que deveras sente. Não se deixe levar pela opinião que não é sua, siga o seu coração, pois pra ti, será o alguém mais bonito, o alguém mais forte. O alguém que para ti, será o seu Tudo!

Depois vá, e agradeça!


Gabryel Fellipe Autor: Gabryel Fellipe
 

domingo, abril 15, 2012

#EmmaDay (!)

Emma Watson
Emma Charlotte Duerre Watson

15 de abril de 1990
#EmmaDay

 Eu, Gabryel Fellipe, Alego, Emma Watson.

sexta-feira, abril 13, 2012

Dia em que. Dia esse. (13 de abril de 2012 - Sexta-Feira)


       
       Na escola o dia foi um tanto diferente, na saída um trajeto nunca feito que me levou a conhecer novas pessoas, falar novas coisas, agir em momentos novos.
      Dia de pensamentos irreconhecíveis e de olhar o mundo com um olhar mais observador e mais critico que o de costume. 
       Dia em que voltei numa coisa que me deixava mais reflexivo ainda. 
       Dia de elogios. Dia de pensar mais sobre o futuro. Dia de cair na real.
       Dia em que as ideias construtivas vieram em maior numero. 
       Dia em que me vi triste, arrumei o errado e dia em que me tornei mais feliz ainda.
       Dia em que fiz um trabalho do filho de Poros e Penúria.
       Dia em que dialoguei mais maduramente e fiz do choro de muitos um sorriso.

       Nada monótono. Dia sem tédio. Dia com loucura. Dia doidão. Dia em que descobri que não preciso me limitar. Dia esse que, por mais incrível que pareca, é uma Sexta Feira Treze.

Eu, Gabryel Fellipe alego que amo as sextas feiras treze!


sábado, março 31, 2012

Dono da verdade




É horrível questionar a "verdade", mas é muito mais horrível se achar o dono dela.


segunda-feira, março 05, 2012

Evitar Convivência?



Uma conversa por mensagens de texto



Ela: "Deve ser a Convivência. Haha."

Ele " Graças a D-s estou convivendo com pessoas certas. Nada de más influencias.. good Evening."
Ela: Voce acha ? Eu tenho evitado convivências, haha. Boa noite.
Ele: É convivendo que se conhece as pessoas, não quero ser anti-social, nem tão pouco ser carente de amizades. É Convivendo que se aprende, é convivendo que se seleciona."

quarta-feira, fevereiro 29, 2012

Um Sms


       Na maioria das vezes nós damos importância a algo que nos empolga na hora, mas depois de algum tempo, essa importância não passou de uma vela que, com o tempo que vai dando iluminação, também diminui de tamanho.
       Temos uma capacidade incrivelmente enorme de transformar o que deveria ser eterno em momento.
       Não podemos permitir que os nossos sonhos sejam como velas, nem a vontade de ajudar vire fumaça e vá embora com o vento.
       Batalhe, vai!
       Lute, vai!
       E então, vença!

quinta-feira, janeiro 05, 2012

Look for You .. Olhe pra você!


       Antes de Julgar qualquer pessoa, olhe pra você,!
       Talvez você perceba que você é mais sujo do que aquele a quem você jogou lixo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...