Aviso importante!

Blog em reforma!
As 260 postagens do blog estão passando por análises e reformatação. Todas estão arquivadas e serão republicadas aos poucos, conforme forem formatadas.
Em Abril de 2018 estará tudo normalizado.

01 de Fevereiro de 2018



terça-feira, maio 28, 2013

O que eu digo sobre começar a ler


Em outra postagem eu falei sobre o que me diziam sobre começar a ler, nessa postagem eu gostaria de falar um pouco do que eu digo sobre começar a ler.

A experiência de quem tem o hábito de ler não se explica, mas pode ser comparada com a vida de antes de ter começado a ler.

Depois de comecei a ler livros várias coisas perderam a importância pra mim. Muitas coisas que antes eu dava tanto valor me fizeram perceber quem nem eram tão "grandiosas" assim. Percebi sobre as tais felicidades momentâneas, e que elas só fazer a gente ficar girando no mesmo lugar sem ir pra frente ou pra trás, e depois nos deixa só, pior do que estávamos.

Os livros me deram o prazer de querer adquirir sabedoria e entendimento ao invés de tantas coisas materiais sem valor. Aprendi a compreender os lados da mesma matéria e desaprendi a compreender alguns xizis que antes eu achava que já havia entendido.

Realmente eu comecei a ficar mais confuso. 
O que eu achava estar certo - o que eu já havia aceitado - após um tempo já não parecia mais tão certo.

A cada dia novo dessa vida de ler, eu desejo ler mais. Porque a cada dia parece que estou mais "burro".

Comecei a entender a frase que meu professor citava: "Quanto mais aumenta nosso conhecimento, mais evidente fica nossa ignorância"

E sim. Eu tomo conta da vida dos outros, procuro saber de tudo sobre eles! Sim, deles. Os personagens dos livros que abro pra ler tão desesperadamente. Viajar no mundo deles e sair desse meu mundo tão sujo e ruim em que vivo. Pra mim o que importa é a imaginação. A realidade me deixa louco, a imaginação me deixa são. - Gabryel Fellipe



segunda-feira, maio 27, 2013

Recomendando a série Revenge



Revenge é uma série de Tv estadunidense criada por Mike Kelley e transmitida pela emissora norte americana ABC no ano de 2011. Atualmente a Rede Globo está produzindo a série aos domingos, na faixas das 23hs e a Sony está transmitindo a segunda temporada nas noites de quarta feira, sempre ás 22hs.


Sinopse: Emily Thorne, cujo nome verdadeiro é Amanda Clarke, volta aos Hamptons para se vingar das pessoas que destruíram sua família e que causaram a morte de seu pai no passado. Quando criança seu pai foi preso acusado injustamente de terrorismo, onde foi julgado e condenado a prisão e por lá acabou morrendo, tudo fruto de traição de pessoas que o rodeavam. Emily quer vingança e você não poder perder!
Fonte Sinopse: Canal Sony


Se você, assim como eu, é fissurado por histórias de vingança, séries bem produzidas e com atores e produções instigantes, está perdendo tempo não assistindo essa série.
Eu recomendo essa série com toda a força.


 "Quando tudo o que você ama é roubado de você, alguém tem que pagar"


domingo, maio 26, 2013

#NaMinhaParede - Tomar cuidado

Frases para se escrever/gravar/pôr em lugares bem visíveis.



Eu mesmo já aprendi da pior forma possível a me defender da forma errada com armas que já usaram contra mim. Precisamos tomar cuidado.

sexta-feira, maio 24, 2013

O que me diziam sobre começar a ler


Gostaria de me lembrar exatamente o que aconteceu comigo depois que eu li o meu primeiro livro "grande". Só o que lembro de forma exata eram o tanto de gente que me dizia que ler era perca de tempo, que ler deixava qualquer um lesado, parecendo ter problemas. Claro que outros me diziam que ler iria me ajudar a entender muitas coisas e a ver como tudo é de verdade, até diziam que ler me deixaria crescer sendo um grande homem.

Todos estavam errados.

Não fiquei lesado, parecendo ter problemas. Lesado eu sempre fui e problemas eu sempre tive.
Não perdi tempo nenhum, eu o encontrei.
Não entendi as coisas, eu fiquei mais confuso. Descompreendi mais milhares de coisas.
Quanto a ser um grande homem, eu mesmo não escolho isso pra mim. Descobri que quero ser uma criança pra sempre, uma grande criança.

quinta-feira, maio 23, 2013

#EuJuroQueEuQuero 1 - Delíro, de Lauren Oliver

Titulo: Delírio

Autor(a): Lauren Oliver

Páginas: 352

Editora: Intrínseca

Ano: 2012

Sinopse: "Muito tempo atrás, não se sabia que o amor é a pior de todas as doenças. Uma vez instalado na corrente sanguínea, não há como contê-lo. Agora a realidade é outra. A ciência já é capaz de erradicá-lo, e o governo obriga que todos os cidadãos sejam curados ao completar dezoito anos. Lena Haloway está entre os jovens que esperam ansiosamente esse dia. Viver sem a doença é viver sem dor: sem arrebatamento, sem euforia, com tranquilidade e segurança. 
Depois de curada, ela será encaminhada pelo governo para uma faculdade e um marido lhe será designado. Ela nunca mais precisará se preocupar com o passado que assombra sua família. Lena tem plena confiança de que as imposições das autoridades, como a intervenção cirúrgica, o toque de recolher e as patrulhas-surpresa pela cidade, existem para proteger as pessoas. Faltando apenas algumas semanas para o tratamento, porém, o impensado acontece: Lena se apaixona. Os sintomas são bastante conhecidos, não há como se enganar — mas, depois de experimentá-los, ela ainda escolheria a cura?."


quarta-feira, maio 22, 2013

terça-feira, maio 21, 2013

#Tag 4 - Onze Questões



Recebi essa Tag de três blog's:


Regras:
Responder as onze perguntas;
Indicar para blogs com menos de 300 seguidores.


Vamos lá..


1: O que você mais gosta de cozinhar, sobremesas ou guisados?
Sobremesas!

2: O que é mais importante pra você numa pessoa é a personalidade ou o físico?
Personalidade sempre é essencial, mas não deixo de me importar também com o físico.


3: Quando você começou o Blog?
No inicio de Novembro de 2011.


4: Quem foi a pessoa que te inspirou a começar nesse mundo?
Acho que foi meu professor de português do 1º Ano do Ensino Médio.

5: Você costuma seguir muitos blogs e ser seguido?
Sigo todos os que me seguem e vários outros sobre literatura e séries


6: O que você mais gosta, de cozinhar ou que cozinhem pra você?
Que cozinhem pra mim!


7: Você come em casa ou no trabalho?
Em casa. Ainda não trabalho.


8: Você costuma fazer receitas vegetarianas?
Eu não como carne, a não ser, é claro, de peixe.


9: Qual sua melhor receita?
Ovo frito? A melhor pipoca do mundo? Mijo?


10: Como você pede pra alguém ser seu amigo?
Han? A amizade cresce né? Mas gostar de livros, principalmente da Rowling, eu posso até implorar.


11: Qual foi o melhor filme que você já viu?
Até o momento, acho que Cisne Negro, com direção de Darren Aronofsky



BLOGS INDICADOS: 




Acho que eu preciso aprender a cozinha, né!

sábado, maio 11, 2013

#Resenha - A Magia da Árvore Luminosa - Rosana bond


Cinco amigos que compõem a chamada Turma da Bernunça: Carlos, Geraldino, Paulo, Janete e Sandra., entram num mistério sobrenatural envolvendo um interessante índio Pajé que vive em uma árvore: o grande pé de Garapuvu.
Esse grande pé de Garapuvu é a Árvore Luminosa e fica na Ilha da Luna. Um ilha temida pelos moradores da Praia das Ostras, em Florianópolis. E é nessa Ilha que se centraliza o climáx da estória.


Confesso que a história me surpreendeu. Com um ar bem brasileiro o livro conseguiu ser ótimo. Só me fez pensar que um livro tão simples como esse conseguiu ser tão bom quanto tantos outros.

Nunca julgue um livro pela capa, muitos menos pela nacionalidade dele.


quinta-feira, maio 09, 2013

segunda-feira, maio 06, 2013

Uma Galinha, de Clarice Lispector


"e, se fosse dado ás fêmeas cantar, ela não cantaria mas ficaria muito mais contente".


Escrevi esse texto para uma aula de português quando eu estava no 1° ano do médio, em 2010.


Uma galinha escolhida para ser o almoço de domingo escapa e foge pelos telhados, acabando por ser perseguida pelo dono da casa improvisado em roupas de banho.
O dono da casa, finalmente a alcança no momento em que a galinha descansa para "gozar sua fuga" e a leva de volta para casa. Foi então que, depositando-a com bravura no chão da cozinha, de puro susto e emoção a galinha põe um ovo e se salva, já que a menina da casa reconhece neste um filhote, e em seguida também o seu pai, que se arrepende de ter corrido tanto atrás da pobrezinha e jurou nunca mais comer galinha alguma se aquela fosse - "E dizer que a obriguei a correr naquele estado!".
O ovo da galinha foi o motivo dela continuar viva.
Mas então, no final "mataram-na, comeram-na e passaram-se os anos".


Uma coisa se pode tirar desse conto: A inferioridade para com a mulher; A Superioridade do homem;
Onde ver isso? Ora, no conto inteiro!
A galinha em sua fuga, o quão comum ela é e a valentia do homem para com ela, ao apalpar suas intimidades com total indiferença, e só reconhecer ser um troglodita quando percebe o que fez a uma pobre e prenha galinha.


"Mesmo quando a escolheram, apalpando sua intimidade com indiferença"

"Nem ela própria contava consigo, como o galo crê na sua crista."


Há um trechinho do conto que diz:
"e, se fosse dado ás fêmeas cantar, ela não cantaria mas ficaria muito mais contente"


Isso mostra, mesmo que ocultamente, o quanto se há uma superioridade do homem, o poder masculino de fazer as coisas e o da mulher de ser apenas um instrumento para a satisfação de desejos. A incapacidade e os limites que descrevem na mulher para não poderem exercer um cargo "forte" e "mais importante".



sábado, maio 04, 2013

#Resenha - A Fántastica Fábrica de Chocolate - Roald Dahl



Que segredos guarda uma fábrica mundialmente conhecida por seus doces perfeitamente gostosos e por muito, surreais? Uma fábrica que ninguém entra e ninguém sai, a não ser apenas pelos caminhões que distribuem os doces para todos os lugares?


Um grupo de cinco crianças recebem essa oportunidade de visitar a fábrica e saber todos esses segredos, e o mundo inteiro é avisado sobre cinco bilhetes dourados nos Chocolates Wonka que darão a entrada para a fábrica. 
Rapidamente, um pandemônio começa. Todos enlouquecem com a chance de comprar uma das barras sorteadas com o cupom dourado. Mas as crianças sortudas é que são interessantes.
 
Um guloso chamado Augustus Glupe.
Uma mimada, chamada Veroca Sal.
Uma viciada em Chiclete, chamada Violeta Chataclete.
Um alienado pela tevê, chamado Miguel Tevel.
E um sortudo, porém pobre e infeliz, chamado Charlie Bucket.

Incrível!
Toda a criança deveria ler esse livro, com certeza pensariam melhor como agem.

sexta-feira, maio 03, 2013

#Tag 3: Três em Um



"As regras são as seguintes: os blogueiros que receberem a tag devem postar a foto das 5 melhores capas da sua estante, postar a foto arco-íris e responder a todas as perguntas da entrevista coletiva. Feito isso, devem indicar e linkar outros 10 blogs com menos de 200 membros, pois o intuito da tag é fazer com que esses sejam mais vistos e promover a união dos blogs. Não se esqueçam de linkar a pessoa que te enviou a tag."  - Michelly Santos

Recebi a Tag da Michelly: 


 As cinco melhores capas da minha estante são:

Lembrando: "Nunca julgue o livro pela capa."


Entrevista coletiva:


A. Como escolheu o nome do blog?
O Nome atual não tem muita história, já que foi uma alteração pequena do nome antigo " Eu Gabryel Fellipe Alego".


B. Quanto tempo se dedica ao blog?
Ás vezes passo um dia inteiro preparando próximas postagens, assim não preciso prepará-las todos os dias, e então todas são publicadas programadamente.


C. Já teve algum problema com comentários anônimos no blog? Qual?
Ainda bem que não.


D. Você se inspira em outro blog? Qual?
Gosto de criar coisas novas, mas me inspiro em alguns sim, e eles estão nos meus gadgets no canto esquerdo.


E. Quanto tempo está na blogosféra?
Há 1 ano e 6 meses.


F. Quantos blog's visita por dia?
Vários. Não costumo contar, mas acho que mais de 10 por dia.


G. Quantos livros lê por mês?
Depende muito do mês, mas acho que uma média de três por mês.


H. Livros curtos ou grandes?
Eu prefiro livros grandes, de preferência séries, mas é claro que já li mais livros pequenos do que grandes.


I. Já ficou sem inspiração para postar? Como superou isso?
Nesse exato momento eu estou sem inspiração.


J. Pretende mudar algo no blog em 2013?
Eu vivo mudando a aparência do meu blog.



Blogs indicados:

Além de Shakespeare

Desventuras em Série

Livros de Capa Dura

Meu interior infinito

Meu livro e eu

Nuvens Literárias

Resenhas de mundos

Sonho literário

The Hell of Sagittarius

Um livro, Um mundo